Projetusnet – Criação de Sites, Webdesign, Outdoor, Busdoor - criação de sites personalizados e mídia exterior>

Um centavo por mês e duas dicas de investimento

zoom
Comentários desativados em Um centavo por mês e duas dicas de investimento

Um centavo por mês e duas dicas de investimento

Nada se compra com apenas um centavo (R$ 0,01), sequer uma balinha sem graça. Mas, por incrível que pareça, é possível investir mensalmente com aquela moedinha cor de bronze que, quando cai no chão, a gente nem se abaixa pra pegar. De grão em grão…

As melhores opções para quem tem pouco dinheiro sobrando todo mês são os fundos Órama Simples DI Tesouro e Órama Inflação, de acordo com a consultora de investimentos Sandra Blanco. Mas, atenção, em ambas as aplicações, o valor inicial necessário é de R$ 1 mil. Depois, basta um centavo mesmo.

“O Órama Simples DI Tesouro é um excelente fundo para investidores conservadores e também para investir a sua reserva para emergências. O fundo tem liquidez diária e rende mais do que a poupança”, orienta Sandra, destacando que o rendimento da caderneta não tem compensado nem a inflação.

O Órama Simples DI Tesouro investe nos mesmos títulos pós-fixados do Tesouro Direto (Tesouro Selic), por isso tem baixíssimo risco. E a taxa de administração é de somente 0,3% ao ano. Isso é muito importante para a rentabilidade final. Em alguns bancos, para essa mesma carteira, a taxa chega a 5% ao ano. Na página da Órama, um simulador mostra o quanto essa diferença de taxas representa no bolso de cada um, de acordo com o valor investido.

O fundo Órama Inflação é outra boa alternativa, conservadora, que aplica o dinheiro dos cotistas em NTN-B, títulos atrelados ao índice de preço IPCA. Também requer uma aplicação inicial de R$ 1 mil, mas depois é possível aplicar com um centavo por mês. Este ano, a rentabilidade do fundo chega a 10,73%, acima dos 8,81% do CDI (percentuais acumulados até 22/08/2016).

“Aplicar requer disciplina e, cada centavo a mais, num cenário de inflação alta, faz diferença”, explica a consultora Sandra Blanco.

Fonte: Administradores.com.br

%d blogueiros gostam disto: